Todas informações que você precisa saber sobre como imprimir com Filamento Tritan HT estão neste conteúdo. Boa leitura e divirta-se!


O Filamento Tritan HT é hoje o material mais robusto disponível para a maioria das impressoras 3D. Desde 2016, a 3D Fila fabrica este filamento 3D para que você possa criar projetos espetaculares, que exibem tanto transparência e translucidez, quanto dureza superior.

Com estabilidade excepcional e alta fusão, este filamento entrega recursos avançados para criar peças 3D. Além disso, proporciona itens com ainda mais detalhes e força, além de uma baixa emissão de partículas.

O Tritan HT tem baixo odor e não possui estireno em sua composição e bpa-free. Com os filamentos 3D Tritan HT é possível imprimir itens mais funcionais que precisam ser mais duráveis, mais eficientes e atrativos. Com Tg acima de 100⁰C, prototipação passa a ser realmente funcional.

Alta resistência a temperatura

Uma das características mais importantes do filamento Tritan é a sua elevada resistência à temperatura de 100⁰C. Isto significa que suas impressões 3D agora não se deformarão facilmente com temperaturas mais elevadas.

Empresas de carros usam o filamento 3D Tritan HT nos sistemas de escapamento e outras partes que precisam estar próximas do motor.

Também usam o Tritan HT para construção de peças que precisam ser usadas em auto-claves: (*condições específicas podem ser aplicadas – contudo é recomendado a realização de testes antes de colocar em produção)

Este filamento 3D foi projetado para trabalhar com a maioria das impressoras 3D, inclusive impressoras abertas, como Ender 3, Longer e Anycubic.

Desta forma, é um material que consegue obter grandes características de robustez, mas ainda com a facilidade de impressão que os filamentos de Nylon não possuem. Por sua vez, os filamentos de Nylon disponíveis no mercado, na data em que este artigo foi publicado, possuem grande dificuldade devido a absorção rápida de umidade.

Como imprimir com o Filamento Tritan HT

Apesar de podermos dizer que a impressão com este material é mais fácil do que a impressão com Nylon, o Tritan ainda exige uma sensibilidade ou um pouco mais de experiência do operador.

A princípio, para prevenir contra o empenamento (warping), recomendamos usar mesa aquecida em 110 graus ºC (reais), e em alguns casos é necessária a combinação com algum tipo de mesa especial. É importante saber que mesas do tipo PEI podem gerar uma aderência além no desejado, então tome cuidado.

comparação tritan e petg

Além disso, para conseguir as melhores impressões de qualquer filamento 3D, é importante configurar o fatiador corretamente para cada material. Por isso, neste artigo falaremos um pouco sobre as principais configurações e valores iniciais para várias impressoras. Veja abaixo alguns valores de referência:

Mesa aquecida

Como já informado, para o filamento Tritan HT é recomendado a impressão com mesa aquecida, principalmente de objetos maiores, com o objetivo de prevenir problemas com empenamento (warping). Além disso, é importante que a primeira camada fique muito bem feita, pois com isso você não terá problemas com delaminação deste material, já que ele possui grande fusão entre as camadas.

Para as impressoras 3D com mesa de vidro, estas devem trabalhar com temperaturas entre 110ºC e 120º C. E quanto a impressão de objetos grandes, sendo estes acima de 15cmx15cm (225cm2) de área, pode ser recomendada uma mesa especial. De qualquer forma, uma impressora fechada também pode ajudar neste processo de impressão.

Ventilação

Para conseguir melhores resultados e peças mais fortes, é recomendado a impressão sem ventilação forçada. No entanto, se a sua peça possui overhangs ou partes com pontas, pode ser necessária alguma ventilação, porém utilize-a com moderação. Você pode ainda ligar a ventilação apenas em linhas de perímetro (Externas), desta forma é garantido que o preenchimento mantenha uma maior fusão entre as camadas.

Tempo mínimo de camada

Sempre que ajustes forem necessários, pense em diminuir o tempo mínimo por camada, para que cada camada tenha tempo suficiente para resfriamento e tenha melhor aderência. Este tempo dependerá da geometria da sua peça e do material.

Temperatura de impressão e extrusão

Como para qualquer filamento 3D, a temperatura que devemos configurar depende da altura de camada e velocidade de impressão.

O fluxo de material em mm3/s igual (tamanho de camada * diâmetro do bico) * velocidade de impressão

Quando consideramos configurações padrões como 0,2mm de altura de camada e velocidade de impressão de 50mm/s, recomendamos que para a maioria das impressoras esquente seus bicos entre 260ºC e 208 ºC. Já em 0,1mm e 50mm/s é possível usar temperaturas mais baixas, algo entre 250 ºC e 270 ºC. Dessa forma, menores camadas exigem menores temperaturas, uma vez que você trabalha com menos material por camada.

Imprimindo pontes

Quando suas impressões exigirem pontes e não for possível usar suportes, tente usar o recurso de bridge/ponte do seu fatiador com ventilação forçada em 100% para as primeiras linhas impressas. Dessa forma, elas farão papel de suporte para as próximas. Contudo, não se esqueça de diminuir a velocidade de impressão durante a impressão das pontes.

Se você observar que as pontes estão quebrando durante a impressão, tente aumentar o fluxo de filamento ou aumentar o parâmetro “largura do perímetro” da ponte (bridge petimetre width).

Retração

Como ponto de partida, você poderá utilizar valores parecidos com os que são usados para o filamento PLA na maioria das impressoras 3D. Provavelmente você fará pequenos incrementos em velocidade e comprimento.

Se o seu fatiador tiver o recurso de “Coasting” não deixe de fazer sua ativação. Esse recurso tem como objetivo parar o fluxo de material um pouco antes da movimentação do cabeçote (travel), com isso ocorre um alívio na pressão no hot-end, ajudando assim no processo de retração.

Transparência e translucidez

O filamento 3D Tritan HT é extremamente translúcido e permite a impressão de lindas peças e aplicações que exigem a observação interna ou através. De maneira geral, para conseguir melhor transparência, é necessário dosar a maior temperatura com a menor velocidade, resultando no tempo de residência do material no hot-end.

Dessa forma, quanto maior a temperatura, maior a transparência, até o limite em que você passa a obter pequenas bolhas ou um material amarelado.

E o mesmo ocorre para a velocidade de impressão, quanto menor a velocidade, maior a transparência. Se você estiver imprimindo com alta velocidade ou baixa temperatura continuará a observar linhas brancas.

Experimente imprimir sem ventilação, altura de camada de 0,1mm e 20mm/s com preenchimento (infill) de 100%. Além disso, utilizar bicos maiores, como 0,8mm, também podem ajudar a garantir sua transparência.

Onde comprar Tritan HT

Você pode comprar aqui os filamentos 3d Tritan HT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *