Como calcular o custo de uma impressão 3D?

imagem com fundo de cédulas com texto informando como calcular impressão 3d

O custo de uma impressão 3D é um ponto importante desta área, principalmente pelo fato da crescente utilização desta tecnologia e da sua ampla adoção. A pergunta sobre o custo de uma impressão 3D envolve desde a aquisição de um equipamento até aos materiais que serão utilizados durante a fabricação de uma peça.

Uma impressora 3D pode auxiliar em diversas áreas, principalmente pela sua versatilidade — e é importante para o usuário saber como calcular adequadamente antes de iniciar os preparativos para a sua impressão 3D.

E você, quer saber mais sobre como calcular o custo de uma impressão 3D? Continue acompanhando a nossa publicação!

O custo de uma impressão 3D

Os primeiros passos para calcular o custo de uma impressão 3D deve ser conhecer o seu equipamento e ter em mente o que será produzido. Isso vai além do custo da impressora e passa por ter em mente o custo do material em si que será utilizado durante o processo de fabricação de uma peça impressa 3D.

Com isso, os custos iniciais serão os materiais utilizados durante a modelagem e fabricação — isso numa primeira fase. A matéria prima da impressão 3D pode ser encontrada com um preço por quilo, importante para manter um padrão durante os cálculos do custo de uma impressão 3D. Um ponto importante ao se calcular o custo de uma impressão 3D é saber os metros de filamentos consumidos durante o processo de fabricação e levando em consideração a densidade do material para então obter o peso correto.

É importante se levar em conta também o tempo de amortização da impressora 3D, principalmente quando se adquiri o equipamento para algum fim comercial. O usuário deve considerar a recuperação do valor investido antes do fim do ciclo de vida de uma impressora 3D, juntamente com peças de reposição e possíveis manutenções que podem ser efetuadas para aumentar ainda mais o ciclo de vida do equipamento.

Outros custos da impressão 3D

Além dos custos com material, amortização e manutenção da impressora 3D, um outro tipo de indicador que deve ser calculado para ter um valor assertivo de custo de uma impressão 3D é a taxa de não qualidade ou os testes realizados com as impressões 3D variadas.

Por algum motivo como o efeito warping, o efeito cracking ou até algum entupimento no bico extrusor, como exemplos de defeitos, uma impressão 3D pode ser danificada e perdida. Essa perda tem um custo efetivo e quando se está utilizando a impressão 3D para fins comerciais possui um peso enorme nos cálculos finais para a definição do valor da peça.

Um outro custo importante é o de preparação e o de pós-processamento da peça, como os acabamentos e processos que dão um melhor visual a peça e a transformam de verdade numa peça de design.

E como calcular o custo de uma impressão 3D?

É importante ter uma boa calculadora para ter valores precisos do custo de uma impressão 3D. O Hub da 3D Fila pode sugerir para você um preço final.  Basta fazer o upload do arquivo no formato STL e será demonstrado um intervalo de preço calculado com base nas informações do modelo 3D. Além disso  nosso Hub tem cadastro de diversos prestadores de serviços e você pode ter uma base comparando com outras cotações reais. As calculadoras apresentam valores estimados e que se aproximam bastante da realidade encontrada pelo usuário ao se calcular o custo de uma impressora 3D. Você também pode usar como referência a calculadora disponibilizada por nós em nossos aplicativos para smartphones.

Imagem de 3 celulares smartphone demonstrando os app ou aplicativos da 3dfila

Primeiramente, o custo total engloba o custo de material para cada impressão 3D mais uma parte do custo da máquina, conforme definido para a sua amortização. Ao custo do material também deve-se ser adicionado um pequeno percentual considerado como taxa de desperdício adicional ao processo de fabricação, inclusive prevendo erros.

A resolução da impressão 3D pode ser considerado como variável de acordo com a espessura do fio de impressão 3D em cada camada da peça. O cálculo correto é para uma resolução maior, mais fina vai ser a camada e mais material será utilizado, aumentando assim os custos da fabricação.

E por último porém tão importante quanto os outros tópicos é ter em mente que o custo de uma impressão 3D pode ser considerado como escalar, variando conforme o volume de produção de uma mesma peça. Quanto mais uma determinada peça for fabricada, menor será o custo de produção dela e mais baratos serão os valores cobrados para a sua impressão – portanto, para fins comerciais vale a pena a adoção de uma política de descontos com base no volume de produção.

Saiba mais!

Saber de fato qual o custo de uma impressão 3D é importante para a tomada de decisões, principalmente quando se está planejando uma fabricação de alguma peça impressa 3D. Ter em mente os valores antes de começar a fabricação pode ser um fator decisivo antes de começar o processo de fato.

E você, quer saber mais sobre como calcular o custo de uma impressão 3D e outros assuntos dentro deste fantástico mundo? Então assine a nossa newsletter e fique por dentro das novidades do blog da 3D Fila!

Bem-vindo a 3D Fila

    X
    É um prazer tê-lo na 3D Fila
    Seja bem-vindo!
    WooChatIcon 0